Never Can Say Goodbye MJ
Olá querido(a) Fã...
Nosso fórum vai passar por mudanças. Pretendo fazê-lor o mais rápido possível para evitar o menor desconforto.Espero que continue conosco e faça o seu cadastro. Ótimas Novidades vem por ai! Não percam!

God bless you.... Beijacksons <3
Administradora

*+ O Amor não tem fronteiras,
E a saudade nunca será um adeus +*


<3 O Amor vive para sempre <3
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Por que as mulheres gostam tanto do Justin Timberlake?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Mandynha Jackson

avatar

Mensagens : 1483
Scores : 3033
Data de inscrição : 08/08/2012
Idade : 22
Localização : Neverland;PE

MensagemAssunto: Por que as mulheres gostam tanto do Justin Timberlake?   Seg Set 02, 2013 11:40 am

“Meio que o ‘nice guy’ com cara de ‘bad guy’, sabe?” Uma pergunta ajuda Jéssica Marques a explicar por que tanto admira um sujeito chamado Justin – não o BieberTimberlake. Para a radialista de 25 anos, “os caras deveriam aprender com ele”. Aprender exatamente o quê? A indagação masculina é importante porque ninguém vai cantar em falsete, dar passos à la Michael Jackson – ele veio bem antes de Timberlake, é justo dizer – ou ficar parecido com o ex-líder do ‘N Sync, a antiga boy band que rivalizava com os Backstreet Boys nos anos 90, da noite para o dia.
“Deveriam aprender que a questão não é ser bonito e ter dinheiro, precisa ser legal, saber o que faz, deveriam fazer coisas que o Justin faz”, diz Jéssica, que também destaca o humor do cantor, figura frequente no “Saturday Night Live” (SNL), famoso humorístico norte-americano, e o fato de ser “bonzinho sem ser trouxa”, ou aquele que é “passado para trás”. “É um cara que dá vontade de ser amigo”, completa.
O HUMOR
Se Timberlake é engraçado ou não, o fato é que ele não parece ter medo de encarnar personagens um tanto quanto pastelões na TV. Apenas no SNL, programa que caminha para sua 38ª temporada nos EUA, o cantor foi o anfitrião do show cinco vezes, a última em março deste ano, o que lhe rendeu a entrada no grupo fictício que já atingiu esta marca, o “Five-Timers Club”, ao lado de nomes como Steve Martin, Tom Hanks e Bill Murray.
Ele explica em uma entrevista de 2011 para a edição americana da revista Playboy. “O que eu mais gostava de fazer era fazer as pessoas cantarem – até que eu as fiz rirem. Desde então é o que eu mais gosto de fazer no mundo. O SNL me deu um lugar para fazer isso, e todas as minhas experiências lá foram incríveis. Acho que isso fez as pessoas me olharem de uma maneira diferente. Quando um quadro [em que participa] vai bem e vira uma febre, elas pensam ‘tudo bem, eu consigo vê-lo fazendo outra coisas além da música.’”


Justin Timberlake no programa de humor “Saturday Night Live”

O TAL DO CARA LEGAL
Jéssica não está sozinha ao ver em Timberlake um “cara legal”. “Parece ser simpático. No discurso do VMA (Video Musica Awards), ele pediu palmas para os que perderam para ele. Tudo que ele faz tem uma pegada que contagia. É o pacote completo”, destaca a designer Ana Carolina Nunes, de 23 anos. Com a mesma idade, a publicitária Sharon Valle fala da discrição do artista: “Nós nunca o vemos metido em grandes confusões. Ele sabe se portar, não precisa bancar o machão e se mostrar para ser notado”.
Ninguém aqui conhece pessoalmente o cantor, mas uma entrevista para a edição ianque da Rolling Stone, em fevereiro deste ano, mostra que ao ser questionado sobre quem seriam os grandes responsáveis por ser quem é hoje, ele respondeu o que muitos responderiam: os pais.
“Minha mãe me disse duas coisas que eu nunca vou esquecer. Uma delas é que se você der 115% de si, você pode esperar um bom resultado. (…) E a segunda é só porque você tem este dom único [a voz] isso não te torna melhor ou maior do que ninguém. Você tem esse dom e você ainda tem que vestir suas calças com uma perna de cada vez.”
Mas, ao contrário do que Sharon pensa, Justin já esteve, sim, envolvido em uma confusão, e das grandes. Em 2004, ele foi um dos contemplados para cantar durante o show do intervalo do Super Bowl, final da NFL que é acompanhada por milhões de pessoas nos EUA e em diversos países. Durante a apresentação com Janet Jackson, o cantor acidentalmente arrancou parte da roupa da cantora, expondo seu seio direito para todos que estivessem vendo.
AS VOLTAS POR CIMA
Justin não poderia ter exposto um seio em hora pior, mas apesar da histeria provocada na época, não é nenhum absurdo imaginar que o cantor volte a ser convidado para o evento, dez anos após o episódio, por duas razões: sua popularidade está mais alta do que nunca e o histórico recente de artistas que passaram por esse palco (Beyoncé, Madonna e Black Eyed Peas nos últimos três anos). Seria sua redenção, mas não exatamente a volta por cima que alguns de seus fãs mencionaram.
“Ele virou um símbolo sexual com o passar do tempo, com o amadurecimento. Era horrível na época do ‘N Sync”, lembra Ana Carolina. Edson Castro, jornalista de 26 anos, faz coro e relembra um dos “apelidos” do cantor: “Ele deu a volta por cima, acho que deixou de ser o moleque idiota de ‘cabelo de Miojo’ para ser alguém legal. O cara começou como ídolo teen de pop que muita gente torcia o nariz, mas focou no seu trabalho e nas pessoas com quem trabalhou. Ele criou classe ao longo dos anos”.
Longe dos palcos, Timberlake também teria dado a volta por cima nos rumores de traição que cercaram seu relacionamento com Britney Spears. “Ele sempre mostrou o quanto a respeitava, ela foi lá e o traiu. Ao invés de fazer intrigas, ele continuou amigo dela e seguiu em frente”, defende Jéssica. Justin seguiu em frente mesmo. Namorou a atriz Cameron Diaz e hoje é casado com a também atriz Jessica Biel, suficiente para ganhar respeito de boa parte da ala masculina.
O ESTILO
“Ele é estiloso no nível de [Don] Draper, de ‘Mad Men’. Sabe dar importância para uma roupa social e mostra como social pode ser casual também. Se veste quase como os caras do jazz de Nova Orleans”, opina Edson. A publicitária Sharon diz que ele está sempre arrumado, que tem certeza que deve usar um bom perfume e que tudo isso passa uma imagem de segurança. “Não tem muito como descrever. É algo que as mulheres têm em relação aos homens, a gente simplesmente sente”, afirma – o que não esclarece muitas coisas na cabeça do homem. Só que estilo e Timberlake nem sempre caminharam juntos como parece acontecer hoje.
Ao ser perguntado pela Playboy americana se tinha algo tipo de arrependimento fashion, Timberlake foi sincero: “Parece que fiz terapia para apagar alguns deles. As trancinhas que eu usava no ‘N Sync, isso era muito ruim. Britney e eu combinamos um visual de jeans [em uma premiação de 2001] . Outra péssima escolha. Eu provavelmente pagaria uma boa quantia de dinheiro para tirar algumas dessas fotos da Internet”.
“No início da carreira no meio musical, Justin era integrante de uma banda pop e tinha o estilo característico desse segmento na época: peças coloridas, misturas de estampas, texturas e modelagens soltas ao corpo”, afirma a personal stylist Thais Cordeiro, que explica as mudanças no estilo do artista.
“Ele apostou cada vez na alfaiataria moderna, com peças de corte ajustado que caem muito bem para sua silhueta, construindo um estilo mais maduro. Hoje, mesmo suas produções mais casuais são elegantes, não cai na monotonia. Muitas vezes ele usa jaqueta de couro no lugar do terno. Chapéu, óculos de armação grossa, colete e gravata borboleta são outras peças características.”
É difícil se sentir confortável ao ouvir de alguém, principalmente se for uma namorada ou companheira, que você poderia se espelhar em outra pessoa na hora de se vestir, mas a consultora de moda diz que não é tão difícil assim: “O uso de alfaiataria com corte mais ajustado, misturada com peças casuais, como jaqueta de couro e tênis, é uma boa referência. Busque complementar com acessórios de destaque, que tragam um toque mais pessoal”.
OS NEGÓCIOS E O DINHEIRO
Gustavo Pistili é fã do trabalho de Justin, mas quase não tem acompanhado sua carreira musical. O estudante de administração de 22 anos gosta mais do que o artista faz longe dos palcos. “Curto esse lado empreendedor. Ele soube fazer dinheiro, claro que ganhou bastante, mas soube investir. Tem restaurante, marca de tequila, outra de roupas. É um cara que soube usar a si mesmo como marketing”, conta. “Gosto dessa visão de ganhar dinheiro. Minha admiração é mais por esse lado do que por conta de estilo ou jeito de se vestir.”
O ex-membro do Clube do Mickey não faz fortuna só com CDs, músicas e apresentações. Ele criou uma marca de roupas, a William Rast, outra de tequila, a 901, é sócio de três restaurantes de Nova York e Denver, é dono minoritário de uma equipe da NBA, o Memphis Grizzlies – apesar de ser visto com frequência torcendo pelo Los Angeles Lakers –, e vai aos poucos estabelecendo sua carreira como ator, tendo atuado em filmes de sucesso junto ao público e à crítica, como “A Rede Social”, e em outros de sucesso menos, mas com astros do quilate de Clint Eastwood, Jeff Bridges, Amy Adams e Bruce Willis.
UMA CARREIRA BEM PENSADA
Como fenômeno musical ou social, Justin Timberlake inexiste para Marcelo Costa. Ainda assim, o jornalista especializado em música e criador do site Scream & Yell topou falar sobre o que pensa daquele que é considerado como o “novo Michael Jackson”. “Ele é um baita produto de marketing dos anos 00. Sabe lidar bem com a carreira, sabe quando lançar um disco, fica com as meninas certas, faz os filmes certos. É tudo muito certinho, é muito bom-mocismo”, diz.
Costa se surpreende com a abrangência de Timberlake ao conseguir atrair os públicos adolescente e adulto, e não enxerga o marido de Jessica Biel como substituto de Michael Jackson. “Vi o The Weeknd, em Barcelona. É um show sensacional e muito mais Michael Jackson. De tudo que ouvi, o cara do (no caso, o cara é o canadense Abel Tesfaye) The Weeknd me impressionou muito, e tem uma pegada soul muito forte ao vivo.” Ele também cita Bruno Mars, mas afirma que este “tem um caminho para seguir ainda”.
Embora diga que o exemplo de Justin ao escolher bem seus projetos possa ser um exemplo para os outros, Marcelo ressalta que há muitas negociações no mercado. “Serve, sim, mas é coisa de uma indústria complicadíssima, envolve muita grana. Ele tem uma carreira pensada, escolhe bem, que é muito importante, e sabe onde está se metendo, mas escolher projetos certos às vezes quer dizer que você precisa ceder um pouco, e tem gente que não cede. Ainda acho que tem pessoas que fazem isso com mais dignidade, carisma e conteúdo que ele.”
“Nesse ponto, o Bruce Springsteen, musicalmente, vai ser o mesmo cara, vai sempre falar algo interessante. O Alex Turner, do Arctic Monkey, é um letrista que talvez não escolha os projetos certos, mas que está fazendo o caminho dele”, completa. Questionado sobre o que gostaria de ter que Justin tem, Marcelo é rápido na resposta, aos risos: “Não quero nada. Queria o dinheiro porque eu poderia fazer muita coisa”.

Fonte: IG
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mandynha Jackson

avatar

Mensagens : 1483
Scores : 3033
Data de inscrição : 08/08/2012
Idade : 22
Localização : Neverland;PE

MensagemAssunto: Re: Por que as mulheres gostam tanto do Justin Timberlake?   Seg Set 02, 2013 11:43 am

Ninguém pode fazer sucesso que já começam com a história de que fulano será o novo Michael Jackson…

Alguém tomou o lugar do Rei do Rock Elvis Presley? E da Rainha do Soul Aretha Franklin? E do Rei do Jazz Louis Armstrong? Da diva Whitney Houston? Não, então Rei do Pop será eternamente Michael Jackson… 

Gosto muito do Justin Timberlake e acho que ele merece todo o sucesso que tem e merece muito mais… Oh lá em casa!!! Rsrsrs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Por que as mulheres gostam tanto do Justin Timberlake?
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Clube das Mulheres Dublado DVDRip XviD Dual Audio & RMVB
» Porque ele vale tanto???
» [Internacional] Mulheres brigam dentro do avião por causa de bebê chorando
» Mulheres
» Porque FSX pesa tanto?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Never Can Say Goodbye MJ :: News :: Now In The World-
Ir para: